sábado, 18 de abril de 2009

Palestra com Jan Val Ellam no Rio de Janeiro


clique na imagem para ampliar

terça-feira, 14 de abril de 2009

sexta-feira, 10 de abril de 2009

O Poder da Mente contra a Obesidade

Dr. Ysao Yamamura, chefe do AO, setor de medicina chinesa da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), desenvolveu uma técnica que utiliza o poder da mente no combate à obesidade. Ele a chama de Qi Mental (Ki para os japoneses e Chi para os chineses: diz respeito à energia pessoal).
A técnica consiste, basicamente, em educar a mente para que ela projete na memória uma imagem magra de si mesmo e mantê-la positiva no sentido de acreditar que tudo é possível.
Para o Dr. Yamamura, a técnica do Qi Mental é de extrema importância, uma vez que a causa emocional que cada um possui para desenvolver a obesidade é diferente, própria do seu sistema de crenças e comportamentos mentais.
Os tratamentos que incluem essa técnica têm dado melhores resultados do que aqueles que a desprezam; aliás, isto não apenas no caso da obesidade, mas também nas demais patologias de fundo emocional.
A PNL (Programação Neurolinguística) também usa os mesmos princípios para ajudar a combater a obesidade. Em seus consultórios há uma lista interminável de causas relacionadas, e para todas elas há uma ou mais imagens associadas, o que corrobora a teoria do Dr. Yamamura de que “a mente trabalha com a imagem, e não com o peso”.
Trabalhar com a mente para combater a obesidade também é o foco de Louise Tommasi, psicóloga, em seu livro “O Ser Magra em um Corpo Gordo: a incoerência entre o ser e o estar”.
Neste livro, Louise narra a experiência pessoal de conviver e superar o “efeito sanfona”, padrão extremamente comum da instabilidade emocional relacionada ao peso e à auto-imagem.

Referências na internet:
http://dietaja.uol.com.br/Edicoes/111/artigo12722-1.asp
http://osermagraemumcorpogordo.blogspot.com/

O Prof. Dr. Ysao Yamamura é o presidente-fundador do Center AO, Professor Associado Livre Docente e Chefe do Setor de Medicina Chinesa-Acupuntura do Departamento de Ortopedia e Traumatologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Dedica-se inteiramente ao ensino e à pesquisa em Medicina Chinesa e Acupuntura, orientando teses de mestrado e doutorado no Departamento de Ortopedia e Traumatologia da universidade e co-orientando diversas teses conduzidas em outras disciplinas e departamentos na área de acupuntura. Vários de seus trabalhos mereceram prêmios em âmbito internacional.

O Center AO - Centro de Pesquisa e Estudo da Medicina Chinesa – fundado pelo Dr. Ysao Yamamura – é uma instituição ligada ao ensino, à pesquisa e ao atendimento assistencial em Medicina Chinesa e Acupuntura.

Louise Tommasi é psicóloga e jornalista. Trabalha com hipnose, tarô, astrologia, reprogramação mental e emagrecimento. Também é professora de português para estrangeiros na Suiça. Criou vários blogs que falam de amor, poesia, comportamento, dependência afetiva e emagrecimento. Escreveu 3 livros e atualmente está envolvida na criação do seu novo romance: A transformação da gorda Karina – de larva à borboleta.

O Ser Magra em um Corpo Gordo - a incoerência entre o ser e o estar

capa-Magra

É trançando os fios da alma e rebuscando os sentimentos que Louise Tommasi alivia os pratos da sua balança.

Numa abordagem inédita e bem dosada, O Ser Magra em um Corpo Gordo – a incoerência entre o Ser e o Estar – é um compêndio autobiográfico com o qual a autora tem levado a diversas pessoas o benefício deste seu método de bem-estar físico e psicológico.

Louise aborda o equilíbrio entre o ser e o estar como ponto fundamental para se manter a forma desejada, mas revela seu segredo com relação às vantagens que o conhecimento de si mesmo e o uso da programação mental trazem ao processo da conquista do peso ideal.

O Ser Magra em um Corpo Gordo... dá um basta na árdua peregrinação entre a balança, os livros de regimes e as listas de dietas para emagrecer ou engordar, ofertando ao leitor a idéia de uma fórmula individual que coloca o bem-estar geral acima de qualquer sacrifício.

terça-feira, 7 de abril de 2009